HOME EMPRESA PRODUTOS CURSOS PLANOS CONTATO
Produtos
Voltar para: Início | Página anterior
» Ações
Quer ser sócio das empresas mais admiradas do país? Invista em ações. Além de poder ganhar com o crescimento e a distribuição de lucro das empresas, com a Centro Norte Investimentos, você aprenderá estratégias para aproveitar o crescimento da Bolsa de Valores brasileira.



Cinco razões para investir

1 - Diversificar seus investimentos
Em vez de colocar todo o seu dinheiro em um único tipo de investimento, use a Bolsa de Valores para diversificar suas aplicações. A diversificação é a forma mais eficiente de minimizar seus riscos, proteger seu patrimônio e aumentar a sua renda.

2 - Aproveitar o bom desempenho da Bolsa brasileira
Historicamente o mercado de ações tem demonstrado que é o melhor instrumento para construir uma poupança de longo prazo. Um exemplo disso é a valorização do Ibovespa, principal índice da Bolsa que, de 1968 a julho de 2008, rendeu 37 vezes o valor investido (dados BM&FBovespa). O bom desempenho mostra que investir em ações pode ser um excelente negócio.

3 - Investir com valores menores
O valor a ser aplicado varia em função do preço das ações que você deseja adquirir. Em geral, a compra é feita por lotes de ações, de 100, 200 ações, e assim por diante. Por exemplo, se você quiser comprar um lote de 100 ações ao custo de 50 reais por ação, pagará 5 mil reais. O investidor pode recorrer ainda ao mercado fracionário, comprando ações fora do lote e de menor valor. Diferente, portanto, de comprar um imóvel, você não precisa de muito dinheiro para investir em ações. O mercado de ações está ao alcance de qualquer investidor.

4 - Ser sócio de grandes empresas
Investir em ações é a forma mais fácil e prática de se tornar sócio de grandes empresas. Ações são frações da empresa e quem compra se torna sócio dela. Dessa forma, caso a empresa cresça e tenha lucros, suas ações tendem a se valorizar e você poderá, inclusive, receber dividendos. Invista em ações e se torne sócio das empresas que você mais admira.

5 - Garantir maior liquidez
A liquidez é uma característica fundamental a ser considerada em uma decisão de investimento. As ações, de uma forma geral, são ativos com alta liquidez, ou seja, mais fáceis de serem vendidos e transformados em dinheiro, diferente dos imóveis. Um investimento líquido é sempre considerado mais seguro. Tornar-se sócio de um banco ou de uma mineradora e, no dia seguinte, poder vender a sua participação na companhia, é uma das vantagens de investir em ações.
»Futuro
A Centro Norte Investimentos faz a conexão entre o mercado e o campo para você. Entenda de maneira simples e objetiva os princípios básicos sobre o Mercado Futuro e entre de vez para o mundo das commodities.

Mercado Futuro
Mercado como outro qualquer que conta com a presença de vendedores e compradores influenciados pela oferta e demanda dos ativos negociados. A diferença é que, ao invés  de ativos à vista, são negociados contratos para liquidação em uma data futura específica, previamente autorizada. Espera-se que o preço do contrato futuro de um determinado ativo seja equivalente ao preço à vista, acrescido de uma fração correspondente à expectativa de taxas de juros entre o momento da negociação (presente) e a respectiva data de liquidação deste contrato no futuro.

Quais contratos você pode operar

Margem de garantia
É um dos instrumentos de salvaguarda financeira utilizado pelo mercado futuro. Trata-se de depósito (em dinheiro ou em ativos aceitos pela Bolsa) exigido de todos os clientes para abrir suas posições.
No entanto, para entrar na compra ou na venda de um contrato futuro, você não precisa do valor total desse contrato, mas somente de uma margem depositada na conta. Por isso os contratos futuros podem ser tão alavancados. Exemplo: suponhamos o preço da saca de café a US$ 200,00.
O contrato é de 100 sacas de café. Isso significa que o valor do contrato é US$ 20.000,00. Se a cotação do dólar está em R$ 2,00(exemplo), esse contrato vale R$ 40.000,00 (20.000 x 2,00). Porém, para comprar esse contrato, você não precisa ter os R$ 40.000,00. Precisa apenas da margem, que, no caso do contrato de café, gira ao redor de 7% (R$ 2.800,00/neste caso) do valor do contrato, sujeita a alterações pela Bolsa. Resumindo, com apenas R$ 2.800,00 de margem, é possível comprar ou vender  algo que vale R$40.000,00 no Mercado Futuro.
Assim que a posição é zerada, a margem de garantia é devolvida, então não há um gasto financeiro com margens. Além de dinheiro, são aceitos como margens: títulos públicos,ações, ouro, CDB e outros.

Ajuste de posição
Mecanismo por meio do qual as posições mantidas pelos clientes, nos mercados futuros, são acertadas financeiramente todos os dias, conforme apresentem ganho ou perda em relação ao preço de ajuste do dia anterior. As posições em aberto ao final de cada pregão serão ajustadas com base no preço de ajuste do dia, determinado segundo regras estabelecidas pela Bolsa, com movimentação financeira no dia útil subseqüente .
O ajuste diário das posições em aberto será realizado até o dia da liquidação do contrato.
» Fundos de investimentos
A Plataforma Da Centro Norte Investimentos One Stop reúne os melhores gestores de fundos. Visualize os gráficos, compare e faça sua escolha. São mais 250 opções em todas as categorias.
» Renda Fixa
É o investimento realizado em títulos públicos e privados de renda fixa. Esse investimento pode ser direto, pela compra desses títulos, ou indireto, por meio de fundos de investimento. Quando você compra um título de renda fixa, empresta dinheiro ao emissor do papel, que pode ser um banco, uma empresa ou o governo. Em troca, recebe juros até a data de vencimento desse título, quando ocorre o resgate. Esses juros são a remuneração que você recebe por emprestar seu dinheiro.

Na renda fixa você escolhe quanto vai investir, em quanto tempo vai retirar o dinheiro e qual retorno esperado. Você pode acordar a remuneração no momento da aplicação ou acompanhar as oscilações das taxas de juros e esperar o vencimento do título. Se você quer investir seu dinheiro, mas não gosta de correr muitos riscos, renda fixa é o produto ideal para você.

Títulos Públicos
São títulos emitidos pelo governo, por meio do Tesouro Nacional, com a finalidade de captar recursos para financiamento da dívida pública e para projetos na área federal como educação, saúde, tecnologia, infraestrutura, entre outros. São títulos considerados de risco zero pelo mercado, porque você empresta dinheiro ao Governo Federal, que é o emissor da moeda nacional.

Preço dos títulos públicos
O preço unitário, valor pelo qual são negociados, é a soma de todos os pagamentos futuros trazidos a valor presente pela taxa de desconto (taxa de negócio). Ou seja, taxa e preço são inversamente proporcionais. Se um sobe, o outro desce. A única exceção é a LFT, que dia a dia, é corrigida pela taxa Selic.

Características
1 - Liquidez semanal no Tesouro Direto;
2 - Liquidez diária na operações realizadas pela Mesa de Renda Fixa;
   
CDB - Certificado de Depósito Bancário
Instrumento de captação dos bancos, com objetivo de financiar suas atividades, ou seja, você empresta dinheiro aos bancos em troca de uma rentabilidade (juros). Geralmente é indexado ao DI e emitido com prazo em torno de dois anos.

Características
1 - Risco baixo para aplicações de até R$ 70 mil por CPF e por instituição financeira, por serem garantidas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC);
2 - Retorno esperado: percentual do CDI preestabelecido no ato da compra do CDB;
3 - Ampla rede de bancos emissores;
4 - Investimento mínimo de R$ 1 mil.
   
LCI - Letra de Crédito Imobiliário
Instrumento de captação que pode ser emitido por instituições autorizadas pelo Banco Central, com objetivo de financiar o setor imobiliário. São títulos de baixo risco para o investidor, por contar com a mesma garantia que a Caderneta de Poupança, do Fundo Garantidor de Crédito (até R$70k por emissor) e ainda da alienação fiduciária do imóvel.

Características
1 - Liquidez na data do vencimento, que pode variar de 3 meses a 2 anos;
2 - Risco baixo para aplicações de até R$ 70 mil por CPF e por instituição financeira, por serem garantidas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC);
3 - Alienação fiduciária do imóvel como garantia da operação;
4 - Títulos isentos de Imposto de Renda para pessoa física;
5- Retorno esperado: percentual do CDI pré-estabelecido no ato de compra do título.
   
CRI - Certificado de Recebíveis Imobiliários
Título que concede o direito de receber receitas de um ou vários imóveis. Só pode ser emitido por companhias securitizadoras, responsáveis por estruturar os créditos imobiliários e transformá-los em CRIs.

Características

1 - Liquidez baixa;
2 - Baixo Risco;
3 - Destinado para investidores qualificados;
4 - Possibilidade de remuneração atrelada à inflação + ganho real (prêmio) ou vinculada ao DI ou prefixada;
5 - Isenção de Imposto de Renda e IOF para pessoa física.
   
LCA - Letra de Crédito do Agronegócio
Título emitido por instituições financeiras públicas e privadas, vinculado a direitos creditórios originários de negócios na área rural, sejam financiamentos, sejam empréstimos para a produção agropecuária. O título representa promessa futura de pagamento em dinheiro, remunerada por percentual do CDI. Por ser isento de Imposto de Renda é uma boa alternativa de investimento. Destinado para investidores qualificados.

Características
1 - Liquidez na data do vencimento;
2 - Isenção de Imposto de Renda e de IOF para pessoa física.
3 - Destinado a investidores qualificados.
   
Debêntures
Títulos de crédito emitidos por empresas de vários ramos, com objetivo de financiar investimentos, rolar dívidas, fornecer capital de giro, entre outros. Cada uma tem estrutura específica, podendo apresentar variados fluxos e diversas formas de remuneração (Inflação + Prêmio, % do CDI ou taxa prefixada). Cada vez mais, se transformam em instrumento de capitalização das empresas. A frequência de book buildings (processo de colocação) cresce a cada ano. São negociadas no balcão e registradas na CETIP ou BovespaFix.

Características
1 - Liquidez diária;
2 - Acompanhamento da Área de Análise da XP específica para esse mercado. Você investe com estratégia;
3 - Grande variedade de emissores;
4 - Possibilidade de compor de várias maneiras a rentabilidade da carteira de investimentos (inflação, juros e prefixada).
 
» Fundos imobiliários
Quem procura solidez, segurança e rentabilidade encontra muito mais vantagens ao aplicar em Fundos de Investimento Imobiliário (FII), uma opção descomplicada e livre de Imposto de Renda, agora ao seu alcance.

Para participar do FII, escolha o fundo e compre cotas durante a oferta pública ou na Bolsa. A gestão do FII, responsável por escolher os empreendimentos, é garantida por especialistas, e o custo desse serviço fica diluído entre os cotistas. O ganho é proporcional à aplicação e depositado mensalmente, com chance de se valorizar ao longo do tempo.

Principais vantanges
Você pode ser sócio dos grandes empreendimentos imobiliários
As construtoras desses empreendimentos vendem uma parte do imóvel em cotas e o dono de cada cota recebe um valor proporcional do aluguel. Existem cotas no mercado que valem menos de R$20 e você pode comprar quantas estiverem à venda.
   
Isenção de IR e IOF
Isenção de imposto de renda para pessoas físicas que tenham menos de 10% da totalidade de cotas do fundo e exclusivamente para fundos imobiliários cujas cotas sejam negociadas em Bolsa de Valores e que tenham mais de 50 cotistas.
   
Momento favorável da economia
Com a tendência de queda da taxa básica de juros, os fundos imobiliários se tornam uma boa oportunidade para investidores, já que a rentabilidade proporcionada por eles não sofre impactos com esta queda.
   
Custos mais baixos
Os custos em média são muito inferiores às transações imobiliárias diretas porque não envolvem taxas, impostos etc.
   
Diversificação dos investimentos
Os fundos imobiliários são uma excelente opção para quem já tem algum tipo de investimento e deseja diversificar a sua carteira. Alguns fundos já trazem em seu próprio portfólio diferentes tipos de imóveis, como uma universidade e um shopping, por exemplo. Essa é uma excelente forma de minimizar seus riscos e proteger seu patrimônio, já que um setor é diferente do outro (no caso, educação e comércio).
   
Venda das cotas no mercado financeiro
Diferente de um imóvel, cuja venda é trabalhosa e exige cuidados, o fundo permite negociar as cotas em Bolsa. E você não precisa vender todas as suas cotas, pode negociar apenas parte delas. E mesmo que o fundo não tenha liquidez diária, uma semana costuma ser um prazo razoável para a venda das cotas.
   
Possibilidade de valorização das cotas
Em um país de acelerado crescimento como o Brasil, vários imóveis acabam se valorizando ao longo do tempo. Com isso, você ainda poderá lucrar caso queira vender suas cotas.
A Empresa | Produtos | Cursos | Planos | Contato

© Copyright 2012 - CentroNorte Investimentos. Todos os direitos reservados.

Toda comunicação através de rede mundial de computares está sujeita a interrupções ou atrasos podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A Centro Norte Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros.